Institucional

Institucional

 

O Coletivo Nacional da Pesca e Aquicultura - CONEPE é uma sociedade civil sem fins lucrativos, que agrega entidades representativas do setor pesqueiro e aquícola do Brasil, como sindicatos de armadores e indústrias processadoras de pescados.

Promove a articulação entre os diversos segmentos do setor, da produção à distribuição, atuando em parceria com o Governo e instituições públicas e privadas para o desenvolvimento sustentável da atividade da pesca. O CONEPE também articula as relações internacionais, buscando intercâmbio na área produtiva científica e tecnológica.

Desempenha um papel importante na defesa dos interesses do Setor Pesqueiro Nacional, com ações proativas que buscam apoiar o desenvolvimento da Cadeia Produtiva da Pesca e Aquicultura. Visa o alinhamento da produção de pescados à sustentabilidade como forma de garantia futura dos recursos, melhora do panorama do agronegócio da pesca e verticalização da produção com um incremento das indústrias de transformação, geração de mais empregos e receitas, a partir da mesma matriz, com agregação de valor aos produtos pesqueiros e equilíbrio entre os mercados interno e externo, por meio do crescimento das exportações e do abastecimento interno.

Tem como meta o aumento da produtividade sem aumentar o esforço de pesca.

 

MISSÃO DO CONEPE

Representar e defender o setor pesqueiro e aquícola na promoção de um ambiente favorável aos negócios, à competitividade, à inserção social e ao desenvolvimento sustentável da pesca e da aquicultura.

 

VISÃO DO CONEPE

Ser a entidade de referência do Setor Empresarial da Pesca e Aquicultura, na representação legal, política e na difusão do conhecimento.

 

VALORES DO CONEPE

1.Sustentabilidade ambiental;

2.Respeito ao consumidor;

3.Segurança alimentar;

4.Equidade e participação social;

5.Associativismo empreendedor e estratégico;

6.Transparência e Profissionalismo;

7.Presteza, Eficiência, Eficácia e Excelência;

8.Desenvolvimento com foco na cadeia produtiva;

9.Valorização da formação profissional;

10.Respeito às peculiaridades regionais e setoriais.